sábado, 25 de dezembro de 2010

Look do dia: oxford ou gladiadora? bolsa e sapato?

Sandalia Gladiadora
Sandalia Gladiadora
Blusinha branca - Siberian / Bermuda Saruel - Heloisa Machado / Sandalia Gladiadora  - Artesanato mineiro / Oxford \/ - Spot shoes

Oxford


Algumas duvidas sobre looks. sempre vão surgindo ao decorrer das suas escolhas no dia a dia, como por exemplo, no meu caso, o que me alonga, o que me deixa mais baixinha, pois, ter 1,52 e querer usar, saruel, e não gostar de sapatos muito altos, é um grande problema. Por isso postei o mesmo look, com sapatos diferentes, e analisando os dois, fiquei em mais um dilema, a bolsa combinando com o sapato, é sempre over? No caso desse look, acho que apesar de ser apaixonada por esse oxford vermelho, a sandalia gladiadora, como mostrou mais o meu pé deu uma alongada bacana, o correto, seria, uma sapatilha, que ao mostrar o peito do pé, tem o efeito de alongar. Já a bolsa e o sapato, deu um efeito bastante combinandinho, o que nao é bom na aioria das vezes, porém, como o resto do look, não tinham as mesmas cores, não foi um pecado mortal, além de o casaquinho das uma mescla na cartela de cores.
Caras leitoras, aí vai alguma explicações, para vocês, que como eu, quer entender o que alonga, o que diminui, peças que emagrecem, engordam, e o que é totalmente over, no mundo da moda.

Tudo apertado: na ânsia de exibir o corpão, não caia no erro de usar roupas coladas demais, vai cair no vulgar. Com barriguinha saliente e pneuzinhos estufados é erro na certa! Uma peça ou outra tudo bem, mas acerte na dose.
Transparência no trabalho: looks sensuais demais para a labuta não farão bem ao seu profissionalismo.
Pagar cofrinho: calça de cintura baixa é um perigo! Sentar e pagar cofrinho é um pecado difícil de perdoar...
Alça de silicone aparecendo: elas foram criadas para isso, mas convenhamos, o efeito não confere elegância! Escolha alças de sutiã descoladas, coloridas e assuma com estilo a sua presença!

Erro de proporção: usar calça pantalona larguinha com blusas muito soltas é desastre na certa. Nesse caso, blusas mais justam funcionam melhor.
Sobreposições equivocadas: Peças muito volumosas sobrepostas e de comprimentos diferentes podem te deixar com um ar 'repolho'
Bota por cima da calça: pode, mas é perigoso. Só se a calça for ajustada a perna.
Cintos: os grossos de cor muito diferente da roupa - fuja se você estiver fora de forma. Veja se o “conjunto da obra” está harmonioso, troque de roupa se enxergar o famoso fatiamento de silhueta!
Tudo combinando: não, não, não. Bolsa vermelha com sapato vermelho e cinto vermelho, nem pensar!
Over: exagerar no brilho (dourado, paetês, etc) ou na quantidade e exibicionismo nos acessórios.
Para as baixinhas: No caso das baixinhas, trata-se de alongar a silhueta e, para tanto, é necessário criar uma linha vertical no corpo. Começa-se evitando qualquer elemento que crie um efeito visual horizontal, porque isso achata ainda mais as proporções. Pregas, listras horizontais e barras italianas, portanto, entram na lista do que preferir não usar. Se a baixinha em questão tiver um tipo físico magro, com quadris e coxas proporcionais, pode apostar em peças mais ajustadas ao corpo, como as calças skinny. Saias e vestidos muito longos e no comprimento midi costumam ser grandes inimigos das mulheres de pouca estatura; no caso das magras, os comprimentos curtinhos, seja em vestidos ou shorts, ajudam a alongar as pernas. Quem tem as pernas mais volumosas ou quadris mais largos deve preferir calças de modelagem mais reta e vestidos e bermudas que não sejam tão curtos, com um comprimento um pouco acima dos joelhos. Para estas, os vestidos mais retos, como os tubinhos, também são uma boa opção. Peças de cintura alta também ajudam a verticalizar as formas do corpo. Entretanto, se por um lado elas alongam, por outro, também “cortam” a silhueta, por isso é importante não escolher peças de cores tão contrastantes. O tipo físico também deve ser levado em conta na hora de investir nas cinturas altas; as magrinhas podem usar saias mais justas e curtas. Mulheres com muito busto devem preferir as peças que ficam exatamente na linha da cintura, já as com busto menor podem usá-las logo abaixo dos seios. Vestidos longos não são proibidos, mas as modelagens muito amplas devem ser evitadas. Na parte de cima do corpo, peças sem alça, blusas, blazeres e casacos na altura dos quadris e decotes em V ajudam a valorizar e alongar. Cores e estampas também têm influência nos efeitos visuais da roupa no corpo. As mulheres mais baixas devem evitar, por exemplo, estampas muito grandes e optar pelos desenhos menores. Listras verticais são a forma mais simples de alongar e afinar o corpo visualmente, já as horizontais, achatam e engordam. Looks monocromáticos são ideais para uma silhueta mais longa; basta investir em peças da mesma cor, mesmo que em tonalidades diferentes. 

1 comentários:

Bya disse...
Este comentário foi removido pelo autor.

Postar um comentário